PRODUZIR ENERGIA UTILIZANDO OS DESCARTES DOS SETORES

As plantas de cogeração podem ser alimentadas pelo biogás produzido pela digestão anaeróbica dos descartes agroindustriais, que se transforma em fonte de combustível e, graças à cogeração, de energia renovável.

Típicos subprodutos e descartes agroindustriais são, por exemplo, o soro do leite, contendo proteínas e açúcares de indústria láctea, os resíduos líquidos da indústria que processa sucos de fruta ou que destila álcool e ainda os descartes orgânicos líquidos e/ou semissólidos da indústria da carne.

O biogás distribuído em uma planta de cogeração de descartes agroindustriais permite a produção de eletricidade e calor, tanto sob a forma de água quente quanto da fria.

PRODUÇÃO DE ENERGIA

  • Eletricidade a ser transferida para a rede
  • Vapor
  • Água quente para as lamas nos digestores, em alguns processos produtivos e para o aquecimento invernal
  • Água fria (7°C/12°C) para os condicionamentos e no processo invernal

REFERÊNCIAS DA AB

Amadori – Eridania – Gruppo Cremonini – Inalca – Menz&Gasser